Vasinhos nas pernas

COMO TRATÁ-LOS?

0 1.292

1 a cada 3 mulheres e 1 a cada 5 homens possuem vasinhos nas pernas.

As teleangiectasias, mais conhecidas como vasinhos, são dilatação de algumas pequenas veias que ficam sob a pele, difíceis de serem vistas quando não estão doentes. Quando elas dilatam, existe um acúmulo de sangue, causando o escurecimento das mesmas, que passam a serem visíveis a olho nu. Desta forma, elas podem aparecer em vários formatos: pequenos vasinhos, aranhas vasculares ou aglomerados de veias que se assemelham a ramos de árvores ou mapas geográficos.

A escleroterapia, popularmente conhecida como aplicação ou secagem de vasinhos, é um tratamento realizado por meio da injeção de uma substância química no interior das veias com agulhas bem finas, eliminando-as.

Essa é uma excelente opção para casos iniciais e revigora consideravelmente a estética das pernas. Alguns pacientes já apresentam melhora na primeira sessão, contudo geralmente são necessárias algumas aplicações para se obter um bom resultado.

O procedimento é pouco doloroso e deve ser feito por um cirurgião vascular experiente e com precisão nas mãos e olhos. Caso você tenha tido uma experiência ruim, procure outro profissional, pois o tratamento é efetivo.

 

Algumas pessoas possuem veias que nutrem esses vasinhos. Dessa forma, sempre que identificadas, elas devem ser tratadas antes, pois são responsáveis em mantê-los com sangue, o que impede o fechamento (esclerose).

Para realizar a escleroterapia não é necessário nenhum preparo especial, jejum repouso ou exames. Apenas:

  • Não se deve usar cremes e hidratantes no dia anterior da sessão, pois deixam a pele mais oleosa e dificultam a fixação dos curativos;
  • Em geral cada sessão dura cerca de 20 minutos e não necessita de repouso;
  • Recomenda-se não fazer atividade física no dia e não tomar sol por uma semana após a aplicação, para não correr o risco de manchar a pele.
  • Não é necessário o uso de meias ou faixas elásticas após o tratamento.

Pequenos hematomas se formam nos locais da aplicação e desaparecem rapidamente. Em algumas pessoas podem formar coágulos no interior dos vasinhos, que devem ser drenados para uma absorção mais rápida.

O inverno é melhor para realizar a aplicação, pois nessa época não há riscos em tomar sol e, quando o verão chegar, as pernas já estarão bonitas.

Daniel Benitti

Dr Daniel Benitti cirurgião vascular, SP

www.ocirugiaovascular.com.br

contato@ocirurgiaovascular.com.br

Leia também:

7 MITOS E VERDADES SOBRE VARIZES NAS PERNAS

O QUE É TROMBOSE VENOSA PROFUNDA?

VAI VIAJAR? Visite um cirurgião vascular!

       

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.