Andar de Bicicleta Emagrece? Perde Barriga? Conheça todos os benefícios!

0 810

O ciclismo é uma prática física acessível a praticamente todas as pessoas e aquelas que o praticam reconhecem seus benefícios. Andar de bicicleta emagrece, além de fazer muito bem para a saúde como um todo, servindo inclusive como um treinamento físico.

Quando se fala em saúde, pedalar regularmente é um excelente exercício para o coração e ajuda na prevenção de uma série de doenças. Mas é muito importante pedalar de acordo com o ritmo de cada um e não ultrapassar os limites.

Porque devemos andar de bicicleta?

Em alguns países desenvolvidos, andar de bicicleta é uma prática do dia a dia. A tendência em utilizar a bicicleta como meio de locomoção também está crescendo bastante no Brasil.

Mais e mais pessoas estão deixando seus veículos nas garagens e adotando a bicicleta como meio de locomoção, pois além de estarmos fazendo bem a nossa saúde, não estamos poluindo o meio ambiente, ou seja, é um estilo de vida bem mais saudável.

Algumas pessoas ficam em dúvida se as bicicletas de academias ou mesmo as domésticas ajudam na perda de peso.

A partir dos 25 anos de idade, perde-se a massa muscular e se não se faz nada para compensar, a tendência é o aumento de gordura. É importante praticar regularmente uma atividade física. A bicicleta da academia ou a doméstica permite fortalecer as coxas, pernas e glúteos.

Sem mesmo fazer uma atividade física, o corpo queima calorias. De fato, 1kg de músculos queima 12 calorias por dia em repouso, enquanto que 1kg de gordura não consome que 4 calorias por dia.

Os músculos permitem queimar 3 vezes mais de calorias em repouso que as gorduras. Logo, é importante ter uma massa muscular suficiente com o objetivo de queimar naturalmente as calorias consumidas.

A bicicleta da academia, por exemplo, aumenta a massa muscular e ajuda a queimar as calorias mesmo em repouso. Ter uma atividade física regular, como andar de bicicleta, leva a um círculo vicioso: menos massa de gordura, mais músculos, mais calorias queimadas, etc.

Uma atividade regular leva a uma melhora do volume pulmonar e consequentemente a um aumento das capacidades respiratórias. A respiração se torna mais profunda e a resistência ao esforço aumenta, levando a uma melhora da condição física.

Andar de bicicleta emagrece? Descubra o porque

Andar de bicicleta emagrece porque ajuda a queimar as calorias e assim é um ótimo aliado na perda de peso. Para perder peso, o fato de mudar definitivamente seus hábitos, de adotar uma alimentação balanceada e de praticar um esporte, como o andar de bicicleta, é um fator chave para os resultados desejados.

Andar de bicicleta emagrece e é um meio eficaz para perder peso rapidamente e de forma duradoura. Basta seguir algumas regras:

  • Pela manhã, você pode acordar mais cedo e fazer um pequeno percurso de bicicleta, pois pela manhã, todos nós temos mais energia. Para que seja mais prazeroso, pode escutar uma música e aproveitar o ar fresco da manhã. Isso é um dos pontos chave que faz andar de bicicleta emagrecer.
  • Para ir ao trabalho, à escola ou mesmo se deslocar na cidade, use a bicicleta para fazer suas tarefas diárias. Isto será muito benéfico, mais longo seu percurso, mais o andar de bicicleta irá emagrecer. E é muito importante beber bastante água para e assim a perda de peso será mais rápida.

O andar de bicicleta traz diversos benefícios onde podemos incluir, como já foi dito, a perda de peso. É um esporte de resistência que estimula a atividade cardíaca e ativa a fonte das gorduras.

As vantagens do andar de bicicleta são inúmeros. Ele trabalha quase que todo o corpo, das pernas aos braços, passando pelas costas e abdominais. Permite queimar as calorias e o andar de bicicleta emagrece, isto está mais do que comprovado.

Segundo estudos feitos, o andar de bicicleta melhora o nível de energia em 20% e atenua a sensação de fadiga em 65%. Por que isso acontece? Como as diversas atividades físicas, o andar de bicicleta permite ao nosso cérebro eliminar a dopamina, representando um papel importante nas funções motoras e na própria motivação.

Benefícios de andar de bicicleta

Antes de mais nada, andar de bicicleta é uma atividade física relaxante que permite diminuir a tensão nervosa e a ansiedade. Isto contribui bastante para eliminar as endorfinas e os hormônios do bem-estar com propriedades calmantes e revigorantes.

Veja os benefícios de andar de bicicleta:

  • Melhora a circulação sanguínea

O ciclismo é recomendado para aqueles que tenham problemas de circulação em razão de fortalecer a resistência cardíaca e dessa forma, há uma melhor oxigenação e uma melhor irrigação dos músculos e órgãos do organismo, principalmente as pernas.

  • Diminui os riscos de acidentes cardiovasculares

A partir do momento que faz trabalhar o coração, este fica mais forte e reduz os riscos de acidentes cardiovasculares.

  • Bom exercício para emagrecer

Andar de bicicleta emagrece e para se ter uma ideia, uma hora de pedalada corresponde a uma hora de corrida. O melhor é que há muito menos risco de sofrer lesões porque as articulações não recebem o choque de cada contato com o solo.

  • Tonifica o corpo

Basta uma prática regular para fazer trabalhar os músculos e assim pode modelar a silhueta.

  • Queima de calorias

Ao ajudar na queima de calorias, andar de bicicleta emagrece.

  • Combate de celulite

O movimento de flexão e extensão da perna reforça a circulação, faz trabalhar os músculos mais profundos e melhora significantemente a circulação.

  • Melhora o equilíbrio

O ciclismo melhora a coordenação, o equilíbrio e a força muscular, o que reduz os riscos de queda, principalmente das pessoas idosas.

  • Menor risco de diabete

Um estudo finlandês mostrou que 30 minutos de bicicleta por dia pode reduzir em 40% o risco de diabetes tipo 2.

  • Melhora a concentração e a memória

As pessoas que andam de bicicleta possuem cérebros melhor oxigenados e que funcionam de uma forma muito mais potente.

  • Reduz o estresse, a ansiedade e a depressão
  • Fortalecimento muscular e ósseo

Com uma prática regular, a formação óssea é estimulada e a solidez do esqueleto fortalecida, o que permite prevenir os riscos de osteoporose. Além disso, os músculos e ligamentos se tornam mais flexíveis e mais fortes.

Isso acontece porque o andar de bicicleta, como outros esportes, libera a secreção de endorfinas e assim é muito bom para a saúde mental.

Andar de bicicleta é aconselhável para as pessoas que tenham problemas circulatórios, o fortalecimento da resistência cardíaca leva a uma melhor oxigenação dos músculos e órgãos.

A atividade física permite, por outro lado, queimar as gorduras ruins e favorecer a entrada da glucose nas células (diminuição do açúcar no sangue e necessidades de insulina). O resultado disso é uma redução significativa das taxas do colesterol, assim como uma diminuição da hipertensão arterial e da glicemia.

O que emagrece mais: andar de bicicleta ou caminhar

Vale ressaltar que qualquer atividade física é muito importante para a saúde das pessoas, principalmente se vier associada a uma alimentação balanceada.

Na verdade, a caminhada exige um esforço menor e seus resultados somente poderão ser observados de acordo com sua intensidade e regularidade. Mas, geralmente a queima calórica de uma caminhada é menor do que andar de bicicleta.

Mas, tenha em mente que, uma caminhada diária de cerca de 30 minutos, ajuda a prevenir uma série de doenças. Para aquelas pessoas que estão paradas há muito tempo, o ideal é começar por uma caminhada para depois intensificar as atividades.

O andar de bicicleta emagrece mais que a caminhada se for praticada de forma contínua e com um determinado ritmo.

Agora, tudo vai depender de uma dieta equilibrada e saudável. Não adianta andar mais de bicicleta e não manter uma dieta adequada e o mesmo se aplica ao caminhar.

No que andar de bicicleta ajuda

O andar de bicicleta fortalece o coração e o sistema cardiovascular, funções fundamentais para um bom funcionamento do corpo em geral. Há um trabalho intenso dos músculos inferiores, pernas, glúteos e a região o quadril.

As pessoas que apresentam problemas com articulações, preferem a bicicleta pois não há o impacto com o solo e assim as articulações são preservadas.

Um fato comprovado é que quanto mais uma pessoa anda de bicicleta, mais resistente fisicamente estará. Isso acontece porque os pulmões trabalham mais e eliminam o gás carbônico do organismo, aumentando a resistência cardiorrespiratória.

O ciclismo é uma prática esportiva que pode ser feita em todas as idades e seus benefícios são reconhecidos, tanto sobre o plano mental quanto físico.

Hoje em dia, o estresse está muito presente na vida das pessoas e pode ser a causa de muitas doenças. Já é cientificamente provado que andar de bicicleta todos os dias, durante 30 minutos permite:

  • Combater a depressão
  • Ficar menos ansioso
  • Melhora o bem-estar

De fato, a ação de pedalar é ideal para:

  • Queimar o excesso de adrenalina
  • Favorecer a secreção de endorfinas, os famosos hormônios do prazer secretados pelo hipotálamo e pela hipófise
  • Perder peso, afinar a silhueta e permite ter pernas torneadas e glúteos firmes

Vale ressaltar que se a pessoa tenha problemas nos joelhos, artrose, ciática, lombalgia ou problemas cardíacos ou respiratórios, é aconselhável perguntar a um médico antes de começar a andar de bicicleta.

Quantos km por dia devo pedalar para emagrecer?

A cada dia, mais e mais pessoas estão preferindo pedalar do que fazer uma caminhada ou correr. Algumas relatam que a queima de calorias é muito mais rápida e sentem um aumento bem maior dos seus batimentos cardíacos.

Para se certificar que andar de bicicleta emagrece e quantos quilômetros diários são necessários, o ideal é procurar instalar na bicicleta um velocímetro e um odômetro. Através do velocímetro, tem-se a noção a quantos quilômetros o ciclista está pedalando e o odômetro determina quantos quilômetros foram percorridos.

Algumas pessoas dizem que é possível queimar cerca de 700 calorias se fizer um percurso de 23km em uma hora.

Vale ressaltar que alguns terrenos propiciam um maior esforço, e logo uma maior queima de calorias. É o caso, por exemplo, de morros, percursos de areia, de terra, subida de uma ladeira.

Para se ter uma ideia, uma pessoa de 60 quilos, pedalando por 60 minutos a uma velocidade de 20km/hora, chega a perder cerca de 500 calorias. Mas essa perda não acontece de forma isolada, sendo necessário manter uma dieta equilibrada para acelerar a perda de peso.

Quantas calorias consigo perder andando de bicicleta 30 minutos por dia?

É importante ter em mente que se pode verificar que o andar de bicicleta emagrece é mais eficaz quando há uma mudança da alimentação. Para emagrecer é necessário fazer uma reeducação alimentar, comer mais vezes e em menores porções.

Uma prática diária de 30 minutos de bicicleta, permite gastar cerca de 200 calorias, mas 1k de gordura corporal corresponde a 8000 calorias, isto é, 40 vezes mais.

Somente os esportes de resistência como andar de bicicleta, uma corrida e natação, por exemplo, permitem queimar as reservas de gordura.

Tudo vai depender do ritmo. O ideal é começar aos poucos e ir aumentando a intensidade.

Para quem está parado há um certo tempo, o ideal é dar preferência para terrenos planos e assim que for adquirindo maior condicionamento, pode aumentar a distância, como também incluir no trajeto ladeiras ou terrenos que exijam maior esforço físico e assim o processo de emagrecimento será mais acelerado.

Para se ter uma ideia, enumeramos o nível de gasto calórico em 30 minutos de andar de bicicleta em diferentes intensidades:

  • Intensidade leve: cerca de 200 calorias
  • Intensidade média: cerca de 350 calorias
  • Intensidade intensa- 22 a 30km/h: cerca de 350 calorias
  • Intensidade intensa – superior a 30km/h: mais de 450 calorias

Quanto maior a intensidade, maior o desenvolvimento muscular e as calorias queimadas são importantes e implicam um consumo de energia em repouso mais importante. Não importa a intensidade, a prática regular deve estar associada a uma boa higiene alimentar.

Pedalando mais de 40 minutos: potencializa o emagrecimento?

Essa resposta é bem simples: Sim, potencializa o emagrecimento porque proporciona um grande gasto energético.

Quando se pensa em perder a gordura da barriga, deve ser levado em consideração que não se trata apenas da parte estética, mas sobretudo, pela saúde.

O andar de bicicleta emagrece e é excelente para perder barriga, sendo uma ótima opção para acelerar o processo de perda de peso.

Ao se pedalar mais de 40 minutos diários, os grandes grupos musculares serão trabalhados, fazendo com que a respiração e os batimentos cardíacos acelerem.

A partir do momento que os pulmões precisam de mais esforço para conseguir oxigênio, há um aumento do gasto calórico e junto a isso, uma maior queima de gordura para fornecer energia aos músculos.

Quando se fala em perder barriga, é bom saber que é através do exercício aeróbico que há uma maior queima de gordura em todo o corpo e assim o andar de bicicleta pode ser um grande aliado nesse processo.

O andar de bicicleta é muito recomendado para aquelas pessoas que sofrem de sobrepeso. Além disso, ao facilitar e melhorar a digestão que é um fator decisivo na perda de peso.

Como andar de bicicleta com segurança

A primeira coisa a ser feita é escolher uma bicicleta com o assento o mais confortável possível. No mercado, existem alguns bancos feitos à base de gel, que são bem confortáveis.

O ideal é antes de sair, verificar o itinerário e consultar a meteorologia. Em casos de chuva, as ruas se tornam muito escorregadias e podem ocasionar quedas, pois os freios não funcionam adequadamente.

Ao colocar o banco e o guidom a uma boa altura em função da altura, isso garantirá uma melhor posição, logo, mais conforto e segurança.

Um acessório importante, principalmente se você anda de bicicleta em grandes cidades, é o capacete porque protege a região da cabeça em caso de queda. Deve estar justo na cabeça e as tiras têm que estar firmes a fim de que o capacete não saia da cabeça no momento de uma queda.

Não podemos nos esquecer das luvas, pois, em caso de queda, a primeira coisa que se faz é apoiar as mãos no chão.

Outro equipamento importante é a buzina e não podemos deixar de lembrar as luzes. Essa é uma forma do ciclista ser melhor identificado, principalmente à noite. O ideal é usar luz branca na frente e vermelha na parte traseira pois assim fica mais fácil a identificação por parte dos motoristas.

Algumas pessoas ainda têm receio de andar de bicicleta porque acreditam que não há muito respeito, principalmente dos motoristas de carros e ônibus. Mas isso tem mudado bastante, está havendo uma maior conscientização.

Os ciclistas devem sempre pedalar na mão correta. Assim, tanto os pedestres quanto os condutores de veículos logo os avistam. Geralmente, é recomendado andar de bicicleta na pista da direita porque é a pista destinada a veículos com velocidade reduzida.

Quais são as leis brasileiras que protegem o ciclista?

O Código de Trânsito Brasileiro tem uma lei que obriga os motoristas a manterem uma distância de 1,5m do ciclista, mas muitos não têm conhecimento disso e acabam invadindo a faixa reservada às bicicletas.

Outra questão relacionada à segurança é a sinalização. Toda vez que for virar à esquerda ou à direita, deve haver a sinalização com a mão.

O ideal é dar preferência para as ciclovias e ciclo faixas, pois assim a área está bem delimitada e há menor risco de acidentes.

O problema é que no Brasil, principalmente se ciclistas estiverem pedalando em ruas de tráfego intenso, não são todos os motoristas que entendem e respeitem o ciclista. Por isso, a atenção deve ser redobrada.

Um outro ponto é andar de bicicleta em calçadas. Isso é proibido de acordo com o Código de Trânsito. Recomenda-se sair da bicicleta.

Resumindo, são ações simples que o ciclista pode tomar para evitar acidentes mais sérios.

Hoje em dia, cresceu bastante o comércio de bicicletas elétricas, equipadas com motor e alimentadas por baterias. Apesar de ser equipada com motor, a bicicleta elétrica não suprime a atividade do ciclista pois ela funciona somente quando os pedais são acionados. Como qualquer atividade física, faz bem para a saúde, mas o grande benefício é para o ambiente porque diminui a poluição do ar.

É claro que a bicicleta tradicional traz muitos mais benefícios para a saúde em razão do exercício físico praticado, logo, um maior esforço.

O andar de bicicleta é um esporte onde a pessoa não sofre grandes impactos e assim os traumatismos são menos frequentes. Uma pessoa mais idosa que tenha dificuldades para caminhar, pode praticar a bicicleta de uma forma mais confortável.

Quais outros benefícios de andar de bicicleta?

Os benefícios do andar de bicicleta são inúmeros e vale lembrar que o efeito anti-estresse possui igualmente um efeito positivo sobre o sono e sem falar que uma atividade física moderada torna o sistema imunológico mais ativo, logo, mais eficaz para combater as infecções.

Segundo a OMS, deve-se praticar uma atividade física de intensidade moderada pelo menos 150 minutos por semana, logo, para se chegar a isso basta andar de bicicleta durante 30 minutos, 5 vezes por semana.

E sem falar que estudos demonstraram que o uso da bicicleta nos deslocamentos de casa para o trabalho indica uma redução do risco de morte prematura em 28%, e isso sem levar em consideração a prevenção de uma série de doenças, como por exemplo, diabetes tipo 2, doenças cardíacas, acidente vascular cerebral e muitas outras.

Juntamente à prevenção de várias doenças crônicas, pedalar pelo menos 30 minutos por dia constitui uma forma simples e eficaz de se manter em forma. Há um aumento da forca muscular, melhora da circulação sanguínea, do equilíbrio e coordenação. A partir do momento em que se desenvolve uma melhor resistência, há uma melhora considerável na qualidade do sono.

O andar de bicicleta é uma ferramenta de fácil acesso que contribui para a perda de peso, na luta contra o estresse e ansiedade.

Veja Também: Tudo sobre a dieta do mediterrâneo

Quando se pensa em coletividade, o andar de bicicleta também traz muitos benefícios, como por exemplo, menores índices de poluição atmosférica e de barulho.

No Brasil, ao contrário de países mais desenvolvidos, a prática do ciclismo ainda tem poucos adeptos, mas a partir do momento em que a população se conscientizar de seus benefícios, é bem provável que mais e mais pessoas façam uso da bicicleta para se locomoverem.

Mas é sempre importante consultar um profissional antes de decidir pedalar, para avaliar suas condições físicas e necessidades.

       

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.